JOGO 09
Entre Amigos entre amigos 1 : 2 náuticos Náuticos
29/04/2017 | 14:00 | Furadinho


Inexplicável

Jogo foi difícil para o EA, mesmo com superioridade no número de jogadores em campo.
Foto: Marlon Silva

NOTÍCIA | 05/05/2017 | POR: THYAGO PACHECO
Mesmo com dois jogadores a mais em campo, EA é derrotado e jogadores deixam o campo sob protestos do torcedor.

Difícil encontrar palavras que expliquem o que se viu na Arena no último sábado. Uma verdadeira tarde de horrores, que provocaram na memória do torcedor lembranças que ele certamente desejaria ter esquecido.

Mesmo com superioridade numérica em campo, após duas expulsões do Náuticos, o EA não conseguiu encontrar organização tática e força para superar o adversário.

Talvez o mais curioso seja justamente o fato de que na primeira etapa o EA fez uma excelente apresentação. Com sua principal característica sendo imposta, o alvirrubro impôs velocidade pelas pontas e infiltrações principalmente com Lê Passos, que diferentemente das apresentações anteriores se apresentou com mais frequência no ataque e foi essencial nas jogadas de perigo do EA. O problema é justamente essas jogadas terem ficado somente no perigo. Isso por conta de mais uma tarde lamentável para o atacante Thyago, que teve em seus pés por duas vezes a bola do jogo e nas duas ocasiões desperdiçou, uma vez perdendo na dividida para o goleiro e na outra chutando por cima do gol. O camisa 11 ainda acertou uma bola no travessão, mas o juiz havia anulado o lance marcando impedimento.

Quem não faz, leva, não é mesmo? Se o ditado retrata a verdade absoluta, não sabemos. Mas podemos afirmar com toda a certeza que o provérbio se encaixou perfeitamente nessa história. Ao tentar cortar uma cobrança de escanteio venenosa, o lateral Marlon, que voltava ao time depois de um longo período afastado, acabou colocando para dentro do próprio gol, marcando contra. A vantagem no placar era tudo que o Náuticos queria antes do intervalo, para pôr em prática sua estratégia de liquidar no segundo tempo.

Já na segunda etapa, mudança total. Visivelmente irritados, os jogadores do EA passaram a ficar mais tempo discutindo do que buscando propor o jogo. O jogo se tornava mais difícil para o EA a cada minuto. Vini, bem marcado, não encontrava espaço para o chute e Renê ficou isolado no ataque brigando incessantemente com os zagueiros adversários e com o árbitro, que parecia nunca ver as faltas sofridas pelo camisa 9 alvirrubro. Na mais polêmica delas, Renê se preparava para a fialização quando foi derrubado dentro da área. Toda a arquibancada parece ter discordado do juiz, que não viu falta e deixou o jogo seguir.

O clima de forte disputa contagiou em excesso dois jogadores do Náuticos, que acabaram levando o cartão vermelho e deixando o campo, dando ao EA uma vantagem que poderia ser o ponto chave para a virada. Poderia, porque nunca chegou a ser de fato uma vantagem. Com dois jogadores a mais, o time do EA abandonou completamente a tática e todos os jogadores se tornaram atacantes, abusando de jogadas individuais e desorganizando o time. O resultado foi o mais doloroso possível. Em um veloz contra ataque, o Náuticos tabelou e completou para o gol, ampliando o placar, deixando eufórica a pequena torcida do time visitante presente na Arena.

O jogo se tornava mais difícil para o EA a cada minuto. Vini, bem marcado, não encontrava espaço para o chute e Renê ficou isolado O EA ainda diminuiu com Diego, aproveitando cruzamento de Renê. Mas não havia tempo para impedir o pior. Os protestos das arquibancadas e o clima de desolação e incredulidade no semblante dos jogadores do EA, que deixaram o campo sem dar entrevistas.



Geovani | GOL 5,0
Falhou no gol, mostrou insegurança precisa falar mais dentro da área. Está muito calado.
Marlon | LAD 4,0
Fez gol contra. Precisa voltar o Marlon de antes e resgatar as origens do clube, se for só para pagar mensalidade amigo muito obrigado pelos serviços prestados e seja muito feliz, jogador chuteirinha já estamos cheios, sem contar que deixou sua equipe da hora do rango na mão. E aí qual vai ser?
Carlinhos | ZAD 5,5
"Beber cair levantar...beber cair levantar"...Está tudo bem amigo? Caindo sozinho e tudo, que agua você tomou?
Diego | ZAE 7,0
Entrou na média por dois motivos o primeiro por se tornar voluntarioso e jogar fora de posição e o segundo por fazer gol, mas não é dono do time ter personalidade não quer dizer que pode fazer o que quiser dentro do campo, vamos respeitar a comissão de futebol, beleza?
Abacate | LAE 5,0
Primeiro lugar a saúde, se não está legal não vai para o jogo. E também, pode trazer quantos laterais quiser, a esquerda é sua já pode pedir a 6 que está no varal, pois você é o dono dela.
Betão | VOL 7,0
Criterioso na avaliação dos amigos hein? Dono da posição, foi firme como de costume. Vem evoluindo e é o nosso cão de guarda, independente da raça.
Deyvson | VOL 6,0
Sites de fofoca pegaram o Aranha na noite. Se é verdade ou não, fez efeito no jogo.
Lê Passos | MED 6,0
No meio precisa ser mais dinâmico. Continua segurando demais a bola e não dando sequência nas jogadas. Ou muda de atitude ou volta para o ataque.
Lê Cunha | MEE 5,5
Tem sido mais comprometido com a recomposição e ajudando taticamente na defesa, porém ainda deixa o time carente de lances decisivos no ataque.
Vini | ATA 6,0
Jogando de atacante precisa gostar na posição e preencher mais os espaços na frente aonde conhece como poucos.
Thyago | ATA 6,0
Ô amigo, atacante vive e gols. Não quer sair na capa do jornal? Foi bem de novo, porem faltou o faro do gol.
Vitor | LAD 5,5
Muita folga e pouco futebol vindo da base do ea tem muito futuro mas precisa se preocupar so em jogae bola.
Marcelo | LAE 8,0
Grande surpresa da tarde. Mais uma joia da base, mostrou que tem um belo futuro, mas como a idade não permite um contrato com multa rescisória maior, será apresentado aos poucos.
Diogo | MEC 4,0
Apareceu a margarida olê olê olá..., mas o futebol não veio, errando 85% dos passes precisa se preocupar mais com a forma física, literalmente, e menos com a língua. Fora de forma, prejudicou no seu desempenho e ainda preocupa a comissão técnica.
Rodrigo | VOL 6,0
Pitbull original ajudou muito até a sua velha virilha dar o sinal das graças.
Renê | ATA 6,0
"Seu burro!!!" Essa foi a frase do jogo, calma camisa 9. Jogou bem, deu assistência, procurou os atacantes, porém perdeu a cabeça na expulsão e isso não ajuda nada o time.