Zarpando!!!

Saída de Galo foi mal digerida pela torcida do EA.
Foto: Thyago Pacheco.

NOTÍCIA | 14/01/2016 | POR: THYAGO PACHECO

Saída de nomes importantes marca o início do ano no EA.

A barca sai pesada em 2016. Não necessariamente pela quantidade, mas pela importância dos nomes que deixam o clube, o processo de reformulação parece que deixará cicatrizes.

A saída começa já pelo comandante do time. Adriano Vieira decidiu aceitar uma proposta do futebol chinês e acertou sua saída do clube ainda no fim de 2015. A notícia apesar de aceitável, foi uma surpresa para muitos, uma vez que era esperado que Adriano retornasse aos gramados como jogador, algo que ventilou muitas vezes nos corredores da Ferreira Lima, principalmente no último trimestre do ano passado.

E o treinador não foi sozinho. Indicou e os chineses incluíram na proposta o zagueiro Patrick Santos e o volante Galo. O primeiro, apesar do ótimo futebol, sai sem deixar muitas saudades, já que era visto por muitos torcedores como desinteressado pelo clube. Já no caso de Galo, a lacuna deixada deverá ser bastante sentida. No clube desde a sua fundação, o jogador era visto como símbolo de garra e paixão, principalmente pelo jeito simples e aguerrido em campo. Eleito três vezes melhor jogador do ano, Galo sai e deixa muitas dúvidas na cabeça do torcedor, que não sabe se o time encontrará alguém com características semelhantes.

Com o anúncio apenas do volante Betão como reforço, o EA parece caminhar lentamente no processo de montagem do elenco para 2016. A diretoria, que ainda não tomou posse, evitou falar sobre o assunto, limitando-se a dizer que "o time será competitivo".