Roupa lavada

Associados e diretoria se reuniram para uma conversa franca.
Foto: Thyago Pacheco

NOTÍCIA | 28/06/2016 | POR: THYAGO PACHECO
Diretoria convoca reunião, e jogadores desabafam, buscando melhorar o ambiente.

Visando a melhoria do ambiente do grupo, que andava conturbado, a diretoria do EA convocou uma reunião geral no último sábado, para debater junto com seus associados, quais medidas poderiam ser tomadas para melhorar o clima.

Inicialmente, a diretoria comunicou o afastamento de Daniel Furtado, Jana Ferreira e Renê Coelho. Por decisão conjunta, optou-se pela saída dos membros do corpo diretor do EA, que continuarão exercendo normalmente seu papel de associados.

Em seguida, foi apresentado aos presentes a prestação de contas da 4ª Feijoada Entre Amigos. A edição de 2016, que foi a primeira sob a tutela da atual diretoria, apresentou números expressivos. O lucro líquido de R$ 5.456,59 foi bastante superior ao alcançado nas edições anteriores, o que motivou a realização da quinta edição do evento.

A partir daí, os associados começaram a falar abertamente sobre suas impressões pessoais a respeito da associação. A conversa fuia livremente sobre todos os aspectos relacionados ao EA que iam desde as pessoas até a administração e definição de planejamento estratégico. O pessoal pareceu ter se interessado, pois o bate papo fluiu tranquilamente por aproximadamente duas horas até que fosse finalizado com uma série de anotações que, consideradas interessantes pela diretoria, serão estudados e trazidos novamente para discussão em breve.

Antes de encerrar, a diretoria questionou os presentes sobre a ocupação das vagas em aberto na direção do grupo. O associado Adson Farias e a sócia-dependente Bárbara Escobar se ofereceram para auxiliar e foram aclamados como novos membros da diretoria do EA, ainda sem funções definidas no organograma. Adson, aliás, também teve na mesma oportunidade, aceito por unanimidade o seu pedido de progressão, passando a partir de agora a ocupar oficialmente o quadro de sócio-atletas do clube.

Satisfeitos com a oportunidade de ter sua voz ouvida, os associados agradeceram e falaram sobre a importância de mais encontros como esse.

- Foi muito bom. Dá uma sensação de alívio poder falar daquilo que de alguma forma te incomoda. Acho que foram levantadas questões muito importantes aqui hoje. Acho que a associação só tem a ganhar com mais reuniões desse tipo. - declarou Deyvson.